Loading...
HOME2020-08-03T18:50:15+01:00

Uma Devoção. Um Património Cultural Partilhado.

O Culto a Nossa Senhora da Nazaré é um dos Cultos Marianos mais antigos de Portugal, com mais de 800 anos de história e devoção ininterrupta.

Esta devoção também se espalhou pelo mundo de língua portuguesa, estando hoje mais viva no Brasil do que no seu país de origem. Exemplo maior é o Círio de Nazaré, em Belém do Pará, a maior manifestação de fé católica da América do Sul, com mais de dois milhões de pessoas anualmente nas ruas da capital paraense a prestar homenagem à Rainha da Amazónia, nome pela qual também se designa a Nossa Senhora que em 1182 salvou D. Fuas Roupinho da morte no Bico do Milagre, lenda fundadora deste Culto. Nossa Senhora da Nazaré é padroeira dos Estados brasileiros do Pará e da Rondônia e também vive ainda em paróquias e celebrações em São Tomé e Príncipe e Angola.

Em Portugal, além do próprio berço da devoção, a vila da Nazaré e o seu Santuário, são também dezenas os templos, celebrações e círios dedicados a esta invocação mariana. Este património espiritual partilhado, que une povos e gerações no espírito da Paz e da Esperança, merece ser preservado e promovido.

Por iniciativa da Câmara Municipal da Nazaré, está em curso um processo de Candidatura deste Culto a Património Imaterial da Humanidade, em conjunto com o Governo do Estado do Pará.

Conheça melhor esta tradição, apoie esta causa e partilhe connosco memórias e vivências desta Fé no Mundo.

Este website é dedicado ao Culto a Nossa Senhora da Nazaré, a sua história, as suas práticas e as suas manifestações. É, ao mesmo tempo, um dos canais privilegiados de comunicação da Candidatura, lançado a partir de Portugal pela Câmara Municipal da Nazaré e desenvolvido pela IPI Consulting Network, em parceria com entidades como a Confraria de Nossa Senhora da Nazaré.

Esta página, como tal, também é vossa e serão bem-vindos todos os contributos, ideias, memórias, fotografias, vídeos, testemunhos, que poderão ser partilhados com este projeto, diretamente para o email candidaturapci@cultosenhoradanazare.org, ou para as páginas de Facebook www.facebook.com/senhoradanazare ou de Instagram www.instagram.com/senhoranazarepatrimonio, via mensagem ou comentário.

Bem hajam!

“Esta iniciativa será uma contribuição fundamental para repor a necessidade expressa pelo Papa Francisco de repor a fidelidade aos valores”, Prof. Adriano Moreira, Jurista, político e professor universitário sobre a Candidatura

Portugal

Brasil

Subscreva a lista de apoio à Candidatura e dê mais força a esta causa.

O envolvimento dos cidadãos e, sobretudo, da vasta comunidade de devotos da Virgem da Nazaré, é importante para mostrar a dimensão vivida desta tradição.

Preencha e submeta o formulário ao lado, por favor.   ⇒ ⇒ ⇒ ⇒

NOTÍCIAS E ARTIGOS

Novidades. Curiosidades. Testemunhos. Investigação.

A Candidatura nas Redes Sociais

Facebook

Instagram

Youtube

Termos e Privacidade Ver mais Ok

Termos e Privacidade

Utilização de informações pessoais pelas plataformas digitais da Candidatura do Culto de Nossa Senhora da Nazaré – Práticas e Manifestações a Património Cultural Imaterial da Humanidade e ao Inventário Nacional de Património Imaterial, adiante designada por Candidatura As informações pessoais submetidas à Candidatura serão apenas utilizadas para os fins específicos expressos e para o contactar sobre as actividades da Candidatura, caso assim o autorize, designadamente no formulário de apoio à Candidatura. As informações acerca dos visitantes do domínio do site cultosenhoradanazare.org são automaticamente registadas para fins de análise estatística. Estas informações incluem o endereço IP a partir do qual o utilizador nos visita, endereço de referência, e outras informações técnicas, tais como o tipo de navegador e sistema operacional. O seu endereço de e-mail não será registado automaticamente sem o seu conhecimento. Não distribuímos, vendemos, trocamos ou alugamos as suas informações pessoais a terceiros. A Candidatura pode fornecer estatísticas agregadas sobre os utilizadores do nosso site, padrões de tráfego e informações relativas ao site a terceiros com boa reputação, tais como organismos parceiros da Candidatura. Tais informações estatísticas não incluirão informações de identificação pessoal. A Candidatura cumpre com os requisitos legais pertinentes e toma todas as precauções razoáveis para proteger informações pessoais. Proteção de dados pessoais Em 25 de maio de 2018 entrou em vigor, em todo o espaço da União Europeia, o Regulamento (UE) 2016/679 (“Regulamento Geral de Proteção de Dados Pessoais”). Este Regulamento introduz alterações muito significativas no que diz respeito ao reforço dos direitos dos titulares dos dados pessoais e no que diz respeito às medidas que devem ser adotadas pelas empresas e entidades públicas para proteção dos dados pessoais. ( https://ec.europa.eu/commission/priorities/justice-and-fundamental-rights/data-protection/2018-reform-eu-data-protection-rules_pt ) O cumprimento das normas relativas à proteção de dados pessoais e o respeito pelos direitos das pessoas e entidades com quem nos relacionamos é uma prioridade para a Candidatura. Nesse sentido, e em conformidade com o Regulamento Geral de Proteção de Dados Pessoais, a Candidatura garante a segurança, a confidencialidade e a integridade dos dados pessoais que nos são facultados. No âmbito da sua existência, a Candidatura procede à recolha e tratamento de dados, incluindo dados pessoais, para efeitos de recolha de apoio ou envio de informação relacionada com a Candidatura. A Candidatura está empenhada em proceder ao tratamento desses dados de forma leal e transparente, garantindo confidencialidade e segurança quanto aos dados e informações que nos são facultadas e assegurando que as mesmas serão usadas apenas para os fins expressamente indicados e autorizados. Não obstante a recolha e tratamento desses dados serem fundados no seu consentimento prévio, poderá, em qualquer altura, retirar tal consentimento, bastando para o efeito fazer-nos chegar o seu pedido através do seguinte e-mail: candidaturapci@cultosenhoradanazare.org. A Candidatura garante, ainda, o direito de acesso aos dados por parte dos seus detentores/titulares, podendo estes solicitar a sua retificação, a sua portabilidade (se tal for tecnicamente possível), a sua eliminação, a limitação no seu tratamento ou o direito de se opor ao seu tratamento, bastando apenas que nos contacte através do e-mail: candidaturapci@cultosenhoradanazare.org. A Candidatura designou um Encarregado de Proteção de Dados que pode prestar esclarecimentos sobre a proteção de dados pessoais e receber reclamações. Os contactos do Encarregado de Proteção de Dados são os seguintes: IPI Consulting Network Rua Rodrigo da Fonseca 70, 1º Dto., 1250-193 Lisboa Telef. 213 825 460 E-mail: ipicn@ipiconsultingnetwork.com Termos que regem a utilização do Google Analytics Este site usa o Google Analytics, um serviço de analítica Web fornecido pelo Google, Inc. (“Google”). Google Analytics utiliza “cookies”, que são arquivos de texto colocados no seu computador, para ajudar o site a analisar como os usuários usam o site. A informação gerada pelo cookie acerca da sua utilização do website (incluindo o seu endereço IP) será transmitida e armazenada pelo Google nos servidores nos Estados Unidos. Google irá utilizar esta informação para efeitos de avaliar a sua utilização do website, compilando relatórios sobre a actividade no website para operadores e fornecendo outros serviços relativos à actividade do website e utilização da Internet. Google pode igualmente transferir esta informação para terceiros, quando obrigado a fazê-lo por lei, ou caso tais terceiros processem a informação em nome do Google. O Google não associará o seu endereço IP com quaisquer outros dados mantidos pelo Google. Se desejar pode recusar o uso de cookies, seleccionando as definições apropriadas no seu navegador, no entanto, por favor, note que se fizer isso, você pode não ser capaz de usar todas as funcionalidades deste site. Ao utilizar este site, concorda com o processamento de dados pelo Google na forma e para os fins acima referidos.